Z.B.DEU

 
Rejestracja: 2010-03-07
Punkty84więcej
Następny poziom: 
Ilość potrzebnych punktów: 116
Ostatnia gra
Literki

Literki

Literki
3 lat 100 dni temu

A Cara da Dor

abraco.jpg 

Reencontro

Hoje alvoreceu um tempo diferente,
Eu tive o alento que sempre esperei;
Tive num abraço sonhos realizados,
soluços estancados e sorrisos outra vez.

Brotaram em meus olhos a felicidade,
a luz da verdade, a total nitidez.
É o fim da distância e da dor pungente
donde a saudade pulsa em languidez.

Do meu inexistente fez-se o concreto;
Completo foi o sonho que há muito busquei;
O agora é a vez de estar sempre desperto.

Decerto a alegria veio morar comigo;
Me veio um abrigo, um colo acolhedor,
um
presente, um pai, um irmão, um  amigo.

Beto Acioli
28/03/2014

olho_triste.jpg 
Triste poesia

A verdade é esta:
Aqui nada presta,
solidão, vazio
num rio de prantos...


E em todos os cantos

um que de sofrer,
só há desencantos,
gélido anoitecer...

Escuros são os dias;
Me vem a
saudade,
me infesta a
agonia,
corrói-me, molesta.


O que aqui me resta 

além do amargor?
Só aparar as arestas,
e estancar minha dor.


Fazer a travessia
esquecer o amor
e às penas compor
uma triste poesia.

Beto Acioli
28/03/2014

Apenas um sorriso

foto13.jpg
Apenas um sorriso

Serve-me apenas um sorriso, um alento,
pra que haja o hoje, o sol, 
ao menos um outro sonho, uma nova chance... 
Um outro sopro de vida ou apenas um suspiro.
Serve-me uma mão para que pare o relógio 
(e talvez o mundo), que a tudo paralise...
A verdade, para que remova as escamas dos meus olhos;
Serve-me a luz... Uma voz que me cale por dentro,
que me silencie, e me tire do escuro.
Serve-me ainda a vida, já não mais o mundo...
Ainda me serve: um alento, um tempo, um sorriso.

Beto Acioli


Quer mais? Visite: http://betoaciolisolo.blogspot.com.br/